Diário de bolso - Junho by Henrique Thoms

Diário de Bolso

JUNHO

I HATE FLASH? by Henrique Thoms

INVDRS

Última no James - CWB 

Venho estudando uma nova linguagem nas fotos que faço em festas e festivais, deixando o flash de lado e trabalhando as cores ambientes. Consigo me relacionar mais com essa linha de pensamento e encarar o trabalho mais instigado a criar imagens que façam  sentido para mim. 

Set completo no I Hate Flash.

Sobre processos - Oficina de giz by Henrique Thoms

Oficina de Giz

com Cristina Pagnoncelli

Sempre enxerguei processos de criação em geral como um poço de possibilidades e riqueza imagética. A Cristina nos convidou para acompanhar um pouco do processo dela para refazer seu primeiro mural de giz no Rause café em Curitiba. 

Fotos - Walter Thoms

Esse foi um trabalho especial para mim, não só por ser amigo da Cris e ter sido extremamente leve, mas porque sempre desempenhei funções específicas dentro de produções áudio-visuais como direção, fotografia, produção entre outras. Esse foi um dos primeiros vídeos em que captei, editei e finalizei sozinho depois dos vídeo de skate e patins que produzia na adolescência.  

Fotos - Walter Thoms

Diário de bolso - Maio by Henrique Thoms

Diário de Bolso

MAIO

Samuel fumando na cozinha da nossa casa.

Samuel fumando na cozinha da nossa casa.

Diário de Bolso - Abril by Henrique Thoms

Diário de bolso

Abril

Despedida.

Consciência. 

Noites de SP. 

Conhecer-te.

Novos estudos.

Surf. 

Foto 02-04-2018 16 48 53 (1).jpg

Diário de bolso - Março by Henrique Thoms

DIÁRIO DE BOLSO

Registro do mês de Março. 

   Saiu o novo livro da Roda de Fotógrafos em Curitiba, eu e meu irmão Walter estamos nele junto de vários amigos talentosos. 

Constante movimento. Nunca viajei tantas vezes em tão pouco espaço de tempo. 

Chegamos em São Paulo.

   Segundo encontro do grupo de estudos que estamos participando sobre processos criativos e desenvolvimento de projetos, ministrado pelo André Penteado. Uma terapia isso sim, é engraçado como não percebemos as coisas mais óbvias sobre nós mesmos.
   São 12 horas de imersão em fotografias, projetos, referências, discussões e uma sequência de socos no estômago misturado com luz no fim do túnel. 

Fomos no MIS num lançamento de um doc depois fomos jantar, eu Cris e João.  Fui ver o Diego, almoçamos e conversamos, não tá fácil em SP mas mesmo assim quero tentar a vida aqui. Passei no escritório do IHF dar um oi pro Gustavo e deixar a foto do que dei de presente pro Vtao. Me despeço no metrô. 

To em casa outra vez, mal deu pra chegar. Fui ver a exposição coletiva que meu irmão tava participando, corpo substância se não me engano. Outros amigos também tavam expondo. 

Sobre trabalhar até ás 4 da manhã e emendar uma viagem de 12 até Tiradentes - MG. 

Tiradentes - MG Foto em Pauta 2018. Choveu muito, passei muito tempo no telefone, dirigimos com o porta malas aberto embriagados e ataquei de dj na festa de encerramento. 

A viagem de volta durou 24 horas, primeiro uma ponte caiu, depois o carro quebrou 4 vezes e ficamos na estrada sendo guinchado de posto em posto. Nunca mais. 

Primeira reunião do Outras Iniciativas, grupo de estudos que estou ministrando junto do meu irmão, Isabella Lanave e Murilo Marchesi em Curitiba. 

CWB > SP
Cobertura What so not antes do Lolla em CWB, 3 dias de Plana Festival  e o after do Lolla na Love2Hate. 

Volto pra Curitiba, segundo encontro do grupo de estudos que estamos ministrando.  A keiko tá quase tendo bebê.
O mês acaba no pôr do sol.  

NIKONOS V by Henrique Thoms

Foto 17-12-2017 14 28 56.jpg

NIKONOS V

Levei a nikonos pra Ilha do Mel.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comprei essa câmera 2 anos atrás quando deixava o anúncio aberto no Mercado Livre até que um dia de 2 conto foi pra 600, arrematei e provavelmente deixei de pagar uma conta. Comecei a pirar nela quando voltei a surfar e vivia acompanhando o trabalho de vários fotógrafos do Nikonos Project (coletivo da gringa voltado a fotografia de surf monoquilha lado B). Desde então usei muito pouco e recentemente levei pra ilha do mel e errei o foco na maioria das fotos porque você ajusta o foco pela distância em pés, aí já viu...
 



 

PROJETO VALONGO + WORKSHOP - ANDRÉ PENTEADO by Henrique Thoms

PROJETO VALONGO

+ EDITAR É PRECISO - PERCURSOS NECESSÁRIOS PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM PROCESSO CRIATIVO COM ANDRÉ PENTEADO

O Projeto Valongo é um festival da imagem que contempla o contemporâneo e envolve fotógrafxs de toda parte do Brasil e do mundo no porto de Santos em SP. Já é meu segundo ano de festival e ele continua sendo meu favorito. O movimento orgânico que de informações e troca de energia se forma dentro desse agrupamento é de certa forma revigorante pra mim. Foram várias exposições, mesas, workshops e rolês madrugada adentro. Saiba mais no site do Valongo. 

_DSC2663.jpg

Tive a oportunidade de participar do workshop editar é preciso - percursos necessários para o desenvolvimento de um processo criativo, ministrado pelo André Penteado. Junto com meu irmão e a Isa Lanave levamos nossos trabalhos impressos para uma desconstrução em grupo. Vimos a diferença que faz editar um trabalho em grupo e suas diferentes leituras e críticas que foram feitas e recebidas com carinho, a importância da insistência e persistência, sem desculpas, aproveitando melhor o nosso tempo.  

Três perguntas que ficaram foram:

Por que isso? 

Por que agora? 

Por que eu? 

Saímos de lá com várias crises existenciais e um grupo de estudos.